O MUNDO DOS ARTISTAS

Marília Mendonça homenageia Cristiano Araújo e desabafa

Cantora analisa o mercado musical e fala sobre saudade

  • Por Fabiana Almeida (Paranaíba FM)
  • 18/05/2017 17h44

Marília Mendonça usou as redes sociais para fazer uma homenagem ao cantor Cristiano Araújo. A menção ao sertanejo, morto em um acidente de carro no ano de 2015, foi feita em meio a um desabafo sobre a fama e a carreira musical. No Instagram, a cantora divulgou uma selfie de Cristiano, acompanhada de um texto com reflexões pessoais da artista. Ela diz que a morte do amigo a fez pensar melhor sobre o mercado em que está inserida.

"No dia que você (Cristiano Araújo) se foi, o mundo caiu pra mim. Eu pensei e repensei sobre o que é o nosso mercado e o quanto isso está tão distante do 'ser humano'. Somos um monte de pessoas iguais, e o que nos difere é um dom que Deus nos deu, e que a gente não pode simplesmente virar as costas e dizer que não quer", disse.

Marília condenou piadas relacionadas à carreira artística, como quando ela dizia que era cantora e perguntavam, de volta: 'ok, mas você trabalha de quê?'. "Piadas como essa não fazem sentido. Você estava com sua mãe hoje? Não me julgue. Você estava de folga hoje? Não me julgue. Você conseguiu passar datas especiais com pessoas importantes? Não me julgue", afirmou a cantora.

A sertaneja também diz que não é capaz de escolher a proporção de seu trabalho. "Vejo pessoas desejando a morte por um imprevisto com um artista, vejo pessoas inventando rixas entre lutas iguais, vejo o amor e o ódio andando lado a lado. Te amo se você conseguir, te odeio se não... isso me lembra você, Cris! Isso me lembra tudo de lindo que fez e isso me lembra de nunca, jamais me deixar levar pelo 'achismo' e continuar a minha missão", comentou.

Marília conclui: "Cumprir por mim e por Deus e por quem realmente se importa! O resto... ah, o resto vai ficar pra trás.. como tudo de ruim sempre fica. Saudades!"

Em menos de 72 horas, o desabafo atingiu mais de 169 mil curtidas e obteve mais de 5 mil comentários. Veja na íntegra:

 

 

LEIA O TEXTO! No dia que você se foi, o mundo caiu pra mim. Eu pensei e repensei sobre o que é o nosso mercado e o quanto isso ta tão distante do "ser humano". Somos um monte de pessoas iguais, e o que nos difere é um dom que Deus nos deu, e que a gente não pode simplesmente virar as costas e dizer que não quer. "Você tá trabalha de que? Sou cantor. Ok, mas você trabalha de quê?" Piadas como essa não fazem sentido. Você tava com sua mãe hoje? Não me julgue. Você tava de folga hoje? Não me julgue. Você conseguiu passar datas especiais com pessoas importantes? Não me julgue. Você que fala fala e não sabe de nada. A partir do momento que você apresenta sua missão pro mundo, não tem mais escolha. Ou você acha que eu posso sentar e decidir o tamanho e proporção do meu trabalho, se eu sonhei cantar pro BRASIL? Vejo pessoas desejando a morte por um imprevisto com um artista, vejo pessoas inventando rixas entre lutas iguais, vejo o amor e o ódio andando lado a lado.. te amo se você conseguir, te odeio se não... isso me lembra você, Cris! Isso me lembra tudo de lindo que fez e isso me lembra de nunca, jamais me deixar levar pelo "achismo" e continuar a minha missão... cumprir por mim e por Deus e por quem realmente se importa! O resto... ah, o resto vai ficar pra trás..como tudo de ruim sempre fica. Saudades!

Uma publicação compartilhada por Marilia Mendonça (@mariliamendoncacantora) em

 



  • espalhe por ai

NEWSLETTER

Cadastre seu e-mail e receba todas as notícias e as promoções da 100,7!

Publicidade